Festival : As palavras Encantadas dos Hupd’äh da Amazônia – Mestre de Saberes Narrados por Renato Athias

Bio de Mina Rad

Biography : Mina Rad left her native country at the age of 18, the day after the Iranian revolution to […]

ici mon contenu avec nimbus builder.

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit. Sed non risus. Suspendisse lectus tortor, dignissim sit amet, adipiscing nec, ultricies sed, dolor.

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit. Sed non risus. Suspendisse lectus tortor, dignissim sit amet, adipiscing nec, ultricies sed, dolor.

Brésil
Brésil, Récife , 10ème Festival International du Film du Film Ethnographique de Recife

As palavras Encantadas dos Hupd’äh da Amazônia – Mestre de Saberes Narrados por Renato Athias (2020, 52’) 

Diretora Mina Rad, Edição: Isabel Castro Produtora: World Cultural Diversity

Convite – Contamos com a sua presença.
« As palavras Encantadas dos Hupd’äh da Amazônia – Mestre de Saberes Narrados por Renato Athias » está no 10 Festival Internacional do Filme do Etnográfico do Recife. Assista o filme on-line e venha participar da Live: « Debatendo Filmes de Memórias Etnográficas » de 11:00h às 12: 30, na terça feira dia 27 de abril. Se increva na live inscricao@filmedorecife.com.br
Veja aqui os outros filmes da Mostra:
“Narrativas da Memória e Restituição de Arquivos Etnográficos”


https://sites.ufpe.br/filmedorecife/narrativas-da-memoria-e-restituicao-de-arquivos-etnograficos/

10ème Festival International du Film Ethnographique de Recife: -	Regardez le film en ligne et rejoignez le Live: "Debating Ethnographic Memories Films" de 11h00 à 12h30, le mardi 27 avril. Inscrivez-vous au live inscricao@filmedorecife.com.br
As palavras Encantadas dos Hupd’äh da Amazônia – Mestre de Saberes Narrados por Renato Athias (2020, 52’) 
MODIFIER
Diretora Mina Rad
Edição: Isabel Castro
Produtora: World Cultural Diversity
Sinopse: “Humanidade é natureza” é o que o Hupd’äh pensam. Na cosmologia desse povo, uma das duzentas e dez etnias do Brasil, não há separação entre a natureza mineral, vegetal, animal e humana. A música e a palavra têm um poder transformador, muitas vezes incompreensível para nós. O filme foi produzido a partir do acervo etnográfico do antropólogo Renato Athias, com textos, filmagens, fotografias e músicas coletadas na década de 1980, atualmente digitalizadas no Arquivo Linguístico dos Povos Indígenas da América Latina (AILLA) da Universidade do Texas. O filme dá voz aos chefes de clãns Hupd’äh: Bihit, Casimiro e Mehtiw (in Memoriam). O filme oferece novas maneiras de refletir sobre a relação entre humanos e não humanos.

Brésil Belem 17 novembre 2020 :

Laissez un commentaire

Votre adresse e-mail ne sera pas publiée. Les champs obligatoires sont indiqués avec *